Iluminação do Filme / Smartphone Movie Festival

Smartphone Movie Festival #dicas

 

A iluminação é um dos elementos ao qual deves conceder especial atenção num momento de filmagem. Dar luz a um filme é essencial e, por isso, não deves descurar determinados pormenores:

  • Exterior. Apesar de poder sofrer oscilações e ser desafiante, a luz natural facilmente produz imagens nítidas e com cores vibrantes. Estuda a luz exterior em diferentes espaços e tem em atenção a estação do ano, as condições meteorológicas (céu limpo, nuvens, nevoeiro, etc.) e a hora do dia – vais reparar que a intensidade, a cor e as sombras são sempre distintas.
  • Hora. A luz do meio-dia é usualmente a melhor para filmar cenas sem personagens, uma vez que produz pouca sombra e está mais radiante. Pelo contrário, o meio-dia é, muitas vezes, o momento mais complicado para filmar cenas que incluam personagens – o brilho pode fazer com que os atores pisquem demasiado os olhos ou assumam expressões faciais mais carregadas e preenchidas por sombras. A denominada golden hour (ou magic hour) acontece durante breves momentos – antes do nascer-do-sol e depois do pôr-do-sol – e garante uma luz avermelhada, quente, difusa e suave (diretamente oposta à blue hour).
  • Sombra. Garante que o cenário está bem iluminado e que as sombras não se posicionam em ângulos desfavoráveis ou que dificultem a leitura visual da cena. Durante dias ensolarados a sombra é mais acentuada e em dias “cinzentos” pode ser inexistente.
  • Fundo. O background também pode influenciar a iluminação. O branco, por exemplo, é a cor que melhor reflete a luz – o que pode ser igualmente positivo ou negativo, consoante o resultado que pretendes alcançar.
  • Temperatura de Cor. A variação da temperatura de cor é uma das características que pode, desde logo, tornar um filme menos apelativo – ou seja, caso a luminosidade assuma diferentes cores ao longo das cenas e, desta forma, não exista continuidade visual. Em cenas interiores ou noturnas deves servir-te do apoio de focos de luz ou candeeiros mas, se utilizares várias luzes artificiais, verifica que todas têm espectros/cores iguais ou parecidos.
  • Posição. Maioritariamente no caso de recorreres a iluminação artificial, certifica-te que a luz incide sobre o objeto, pessoa ou espaço a filmar e nunca na direção da câmara – neste último caso podes ficar com excesso de luz e “queimar” a imagem, perdendo informações visuais relevantes para a cena. 

 

A tua equipa ainda não sabe como deve participar?
Descarrega o Guião do Smartphone Movie Festival.